Mudança para apartamento: 6 dicas para evitar dores de cabeça

A mudança residencial é normalmente um momento muito esperado. O processo todo de embalagem dos pertences, transporte e descarregamento pode ser muito trabalhoso se não houver planejamento. No caso de uma mudança para apartamento, a atenção deve ser ainda maior, sobretudo, pelo fato de um prédio ser um ambiente compartilhado e possuir regras próprias.

Já discutimos sobre dicas para facilitar sua mudança em geral. Dessa vez, separamos 6 recomendações específicas de como realizar uma mudança para apartamento sem que haja complicações. Confira na sequência:

1. Conheça a política de mudanças do prédio

assinatura de contrato

Cada prédio costuma seguir normas particulares que definem como e quando pode ser feita uma mudança. Por exemplo, condomínios geralmente não autorizam mudanças nos finais de semana. 

Essas regras existem para evitar possíveis discordâncias com os outros moradores. No caso dos condomínios, quem as ignora pode inclusive ter que pagar multas, além de não causar uma boa impressão inicial com os novos vizinhos. Por isso, antes mesmo de marcar a data da mudança, é indispensável contatar a imobiliária ou a diretoria do condomínio para se informar sobre o regulamento e sanar todas as suas dúvidas. 

Portanto, aproveite essa oportunidade para anotar os horários permitidos para a mudança e agende uma data, caso seja necessário. Desse modo, o síndico irá tomar as providências necessárias para que não ocorram conflitos. Além disso, descubra se o veículo de transporte pode ser estacionado perto do prédio ou se ele deve ficar do lado de fora da portaria.

2. Pergunte sobre o uso do elevador

elevador do condomínio

Um ponto importante na mudança para apartamento é entender por onde os seus móveis e pertences serão carregados. Muitas empresas de mudança definem o custo do transporte de acordo com a quantidade de andares. Por isso, para ter uma noção do orçamento, uma medida que deve ser tomada com antecedência é saber se o prédio possui elevador. Para não haver problemas, pergunte ao síndico se ele pode ser utilizado para levar os itens da mudança, se é preciso reservá-lo e também qual o peso máximo que deve ser respeitado.

Se o uso do elevador for autorizado, meça as suas dimensões para entender o que irá caber ou não. Caso os itens tenham que ser movidos pela escada, anote do mesmo jeito a largura e altura dos corredores, principalmente na parte das curvas. Isso é essencial para evitar que tanto a estrutura do prédio quanto os seus itens se danifiquem.

3. Verifique as distâncias dentro do condomínio

medindo móveis mudança para apartamento

Em algumas situações na mudança para apartamento, pode acontecer de o caminhão de transporte não poder estacionar na frente do seu prédio para descarregar os itens. Às vezes por causa do regulamento do condomínio ou mesmo pelo tamanho do veículo, ele terá que parar na rua. Por causa disso, é aconselhável calcular a distância entre a portaria e o prédio para que a pessoa responsável por carregar os pertences saiba de antemão o jeito ideal de levá-los. Desse modo, se você contratar uma empresa de mudanças, informe-a sobre isso para que ela possa adaptar a logística do transporte.

4. Planeje a mudança para apartamento com antecedência

anotações no caderno

Assim como quando se muda para uma casa, o melhor modo de fazer uma mudança para apartamento é sempre planejar com calma. Com pressa, até as etapas mais simples ficam complicadas. O ideal é usar um caderno ou o seu celular para anotar todas as informações relevantes, como as medidas do imóvel novo, os horários que a mudança pode ser feita, os dados de empresas de transporte e qualquer tarefa que vai surgindo durante o processo.

Outra sugestão é aproveitar para se desapegar dos pertences que não utiliza mais na hora que for separar aqueles que irão para o apartamento novo. Com os itens devidamente organizados, você vai saber qual a forma adequada de fazer o transporte. Isto é, se você precisará contratar uma empresa de mudança ou se você mesmo conseguirá realizar o trabalho. 

Caso você escolha chamar uma transportadora, muitas delas também se ocupam da embalagem dos seus objetos. Por outro lado, se você mesmo cuidar do transporte, serão necessárias caixas de papelão para o armazenamento. Evite comprá-las. O melhor jeito é visitar estabelecimentos e perguntar se possuem caixas que possam doar. Explicamos melhor sobre como as encontrar neste outro artigo. Ou até mesmo alugar caixas de plástico, mais sustentáveis e que facilitam na hora da mudança porque são empilháveis.

5. Limpe o apartamento novo antes da mudança

limpeza da mudança para apartamento

Uma ótima dica para quem vai fazer uma mudança para apartamento é limpar o imóvel antes de transportar seus pertences. Aproveite o espaço vazio para higienizar todos os cantos e detalhes. Para isso, leve apenas os produtos de limpeza necessários como, por exemplo, baldes, vassouras, rodos, panos e desinfetantes. Uma maneira de organizar essa parte é limpar um cômodo de cada vez, indo de cima para baixo: primeiro o teto, depois as paredes e janelas e, por fim, o chão. 

Faça isso com antecedência para que a organização dos itens seja mais tranquila quando estes chegarem no apartamento.

6. Transfira os serviços de assinatura para o novo apartamento

serviços de assinatura

Por fim, uma tarefa que não pode ser esquecida é alterar o endereço cadastrado nos serviços que você assina. Entre em contato com as companhias que fornecem água e energia elétrica para saber como transferir as contas para o novo imóvel. Faça o mesmo com os outros serviços, como, por exemplo, TV a cabo, telefone, internet, contas de banco, etc. Lembre-se de realizar a transferência alguns dias antes da mudança para que já esteja tudo em ordem quando começar a morar no apartamento novo.

Essas foram algumas sugestões para que a mudança para apartamento ocorra sem estresse. O principal é planejar cada passo com antecedência, sobretudo, conhecendo bem o regulamento do prédio e organizando o transporte. 

A maneira mais eficiente de evitar as possíveis adversidades é contratar uma empresa de mudanças. Muitas delas não só se comprometem a realizar o transporte, mas também se encarregam do processo de embalagem dos seus pertences. O melhor jeito de encontrar a transportadora adequada para a sua situação é acessando o aplicativo da Noli. Disponível para Android e iOS, essa plataforma, que atende por enquanto apenas a Grande São Paulo, seleciona os melhores motoristas para a sua carga e calcula automaticamente o orçamento.

Nos siga nas redes sociais para ficar por dentro dos novos conteúdos e dicas da Noli.

Índice do Conteúdo

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *