Como mudar de cidade com pouco dinheiro

Diferentes motivos podem levar uma pessoa ou família a mudar de cidade, como um novo emprego, busca por uma nova aventura ou simplesmente desejo. Porém, antes de se mudar para outra cidade, é importante que as coisas fiquem claras, principalmente no que diz respeito à situação financeira. Entender como mudar de cidade com pouco dinheiro não é fácil, mas é totalmente possível.

As finanças são fundamentais em quaisquer situações, ainda mais quando falamos em mudança de uma cidade, visto que, diversos gastos precisam ser levados em consideração, como transporte, aquisição ou locação de uma nova residência, montagem do imovel, alimentação, entre outros.

Porém, ao mesmo tempo, não são todas as pessoas ou famílias que possuem uma condição financeira favorável, ou no mínimo adequada para esse tipo de mudança. Dessa forma, é fundamental buscar caminhos para lidar com essa situação, conseguindo entender como mudar de cidade com pouco dinheiro.

Planejamento é a chave do negócio

Planejamento é a chave do negócio

Para entender como mudar de cidade com pouco dinheiro é necessário ter um plano, principalmente financeiro. Mesmo que a situação financeira não seja das mais favoráveis, é essencial saber exatamente como ela está.

Por isso, antes de mudar de cidade é muito importante se planejar, tanto em relação à parte financeira, como também à logística da mudança.

Logo que pensar nessa possibilidade, o primeiro passo é verificar como está exatamente a situação financeira, quanto de dinheiro possui guardado para emergências, se o salário continuará a cair todo mês, se é possível vender objetos de algum valor para arrecadar algum dinheiro a mais, etc.

Claro, além disso, é essencial não ter dívidas. O processo de como mudar de cidade com pouco dinheiro só funcionará se não houver dívidas que impossibilitem a resolução de crises e imprevistos durante as principais etapas da mudança e da adaptação à nova cidade.

Nesse sentido, essa verificação antecipada da saúde financeira antes de mudar é indispensável. O planejamento permite uma visualização prévia e ajuda a prevenir problemas que possam vir a ocorrer, facilitando a mudança.

Para complementar esse planejamento, também é interessante visualizar quais serão os gastos na nova cidade. 

Para isso, é interessante realizar uma pesquisa do custo de vida do novo ambiente, entendendo se a alimentação ficará mais cara ou mais barata, quanto custa o transporte local, quais são os custos que serão gastos com lazer e, fundamentalmente, o valor das contas que precisarão ser pagas em uma nova residência (aluguel, luz, água, etc).

Planeje também a chegada na nova cidade

Planeje também a chegada na nova cidade

Após a realização de um planejamento prévio, sendo essa uma etapa fundamental do processo de como mudar de cidade com pouco dinheiro, é importante também planejar a chegada na nova cidade.

Como a questão principal aqui é encontrar caminhos para realizar essa mudança de maneira efetiva, mesmo com pouco dinheiro, é importante encontrar soluções para economizar. 

O frete para transporte de móveis, por exemplo, é uma questão que pode ser problemática caso a pessoa não encontre uma empresa de confiança e com custos adequados. Nesse caso, a solução mais adequada é justamente buscar uma empresa que faça economizar nesse processo, e é exatamente essa a proposta da Noli, que há anos opera nesse mercado e é referência em transportes e carretos.

Além da economia garantida no frete, conforme a opção pela a empresa adequada, também é interessante deixar tudo organizado para chegar na cidade e conseguir residir com qualidade, mesmo nos primeiros dias. Nesse sentido, deixar agendado serviços como instalação de internet e religamento de luz, por exemplo, é fundamental. 

Dessa forma, mesmo com a mudança ainda em processo, é possível trilhar os primeiros passos em uma nova cidade com conforto, segurança e economia.

Como mudar de cidade com pouco dinheiro 

Como mudar de cidade com pouco dinheiro

Como dissemos no começo do artigo, existem diferentes motivos que podem levar uma pessoa ou família a se mudarem da cidade, como um ingresso na faculdade, conquista de um novo emprego, nascimento de um filho, motivos pessoais, entre outros. 

Nesse sentido, é importante entender cada situação, sabendo tirar o melhor proveito dela. Se a mudança ocorrer por conta do trabalho, o ideal é realizar esse processo de como mudar de cidade com pouco dinheiro já com o emprego garantido, pois ajudará na cobertura de gastos. Mesmo que no primeiro mês os custos fiquem mais apertados, existe uma garantia que eles serão sanados tranquilamente quando o salário começar a entrar na conta.

A mudança para uma cidade por decorrência da faculdade já é uma situação mais complicada. Normalmente, quem passa por esse tipo de processo precisa encontrar soluções mais rapidamente, pois esse ingresso pode ocorrer de última hora. 

Entretanto, mesmo com pouco dinheiro é possível encontrar soluções para diminuir custos iniciais, como moradia e alimentação, por exemplo. Muitas das chamadas “cidades universitárias” no Brasil são repletas de repúblicas de alunos, que abrigam os calouros nos primeiros meses para que eles possam se adaptar, principalmente financeiramente falando. 

Além disso, nas grandes universidades brasileiras, essencialmente as públicas, é possível encontrar refeições com valores bem baixos, justamente como uma forma de contribuir com as pessoas que não possuem uma situação financeira tão abastada, mas que querem passar por esse processo de como mudar de cidade com pouco dinheiro sem maiores dificuldades.

Outra situação bastante comum que leva as pessoas a se mudarem de cidade é a chegada de um novo filho. Nesse caso, porém, é possível realizar um planejamento mais longo. Mesmo que os custos aumentem consideravelmente, pois incluirá fraldas, vitaminas, alimentação, roupas, e outros itens básicos para os bebês, é possível se planejar durante 9 meses para essa mudança. 

Nesse sentido, é fundamental entender a situação de cada um. Cada pessoa possui o seu motivo para passar pelo processo de como mudar de cidade com pouco dinheiro, cada um possui a sua condição financeira e um modo particular de lidar com essas etapas e, por isso, é importante conhecer e se informar sobre o assunto para se prevenir e tirar de letra esse processo. 

Conclusão sobre como mudar de cidade com pouco dinheiro

Como vimos, mudar de cidade com pouco dinheiro não é um caminho fácil, mas plenamente possível. Para isso, é fundamental se planejar, tanto previamente, como na chegada a nova cidade. Além disso, contar com serviços especializados que ajudem a economizar em diferentes etapas da mudança é fundamental. No transporte de móveis para uma nova casa, por exemplo, é essencial contar com uma empresa de renome e que saiba como trabalhar com orçamentos mais baixos, como a Noli faz. 

Índice do Conteúdo

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.